the portuguese prison photo project – uma exposição, diferentes perspetivas atrás das grades

Novo: 19.10.2021 – 5.1.2022, Torre do Tombo, Lisboa.

69

Dias até ao fim da exposição

the portuguese prison photo project proporciona uma visão das prisões contemporâneas portuguesas. Da maior e mais antiga prisão, que data da década de 1880, à mais recente, que abriu as portas em 2004, estes oito estabelecimentos prisionais representam cerca de um quarto de todos os locais de detenção do país.

As fotografias foram captadas em 2016/2017 e no inicio de 2020 por um fotógrafo português e um suíço, Luis Barbosa e Peter Schulthess. As suas abordagens traduzem-se em duas perspetivas completamente diferentes.

Depois do sucesso da primeira exposição no Porto realizada em 2017, no Centro Português de Fotografia CPF, e da premiação do S.A.P. a Luís Barbosa do prémio de melhor trabalho fotográfico 2017, e após a sua exibição em Lisboa em 2019, no Museu do Aljube, está agora a decorrer uma terceira exposição, novamente em Lisboa, com um conceito adaptado ao novo espaço, o Arquivo Nacional Torre do Tombo.

Os fotógrafos

Luis Barbosa

Fotógrafo e formador no Instituto Português de Fotografia IPF Porto | nasceu 1975 no Porto, Portugal | galardoado com o prémio da S.P.A para o melhor trabalho de fotografia de 2017 | www.luisbarbosaphotography.com

É especialista em documentação fotográfica de cariz social e cultural. Luis Barbosa tem divulgado o seu trabalho em várias exposições fornecendo, também, uma visão da sua abordagem fotográfica no seu site da internet e no seu blog. Obteve a sua formação no IPF Porto, onde agora desempenha funções como formador de fotógrafos. Tendo sido convidado para participar neste projeto, Luis Barbosa demonstrou grande entusiasmo, procurando enfatizar nas suas fotografias a preto e branco a atmosfera e o ambiente das prisões visitadas.

«Uma vez que nunca tinha entrado numa prisão, fiquei bastante satisfeito por poder, ainda que brevemente, penetrar num mundo quase sempre oculto, estando, no entanto, consciente que esta participação acarretaria uma grande carga emocional.»

Luis Barbosa, fotógrafo

Peter M. Schulthess

Fotógrafo da SBF*, especializado em fotografia de arquitetura, particularmente prisões | nasceu em 1966 em Basel, na Suíça | www.prison.photography

A sua primeira experiência fotográfica em contexto prisional ocorreu, há 15 anos, na antiga penitenciária de Basel. Esta experiência levou ao desenvolvimento do seu interesse pela fotografia em estabelecimentos prisionais e correcionais. Desde então, este tornou-se o seu mais duradouro projeto, enquanto fotógrafo e autor. Depois das prisões na Suíça, Peter Schulthess visitou e fotografou estabelecimentos prisionais na Alemanha e agora em Portugal. Durante a sua visita às prisões portuguesas 2016/2017, Peter Schulthess foi acompanhado por Gilda Santos da Universidade do Porto e 2020 por Catarina Frois, ISCTE Lisboa.
* É membro da Swiss Professional Photographers e da Film Creators SBF.

«Este projeto foi um passo para um mundo desconhecido, num país que eu nunca tinha visitado. Por isso me questionei: o que é que eu vou ver? O que poderei fotografar? O que vou poder mostrar?»

Peter M. Schulthess, fotógrafo

A Exposição

19 outubro 2021 - 5 janeiro 2022

De 19 de outubro de 2021 a 5 de janeiro de 2022, os dois fotógrafos apresentam a sua visão e pontos de vista de 8 prisões, com 28 fotografias impressas em grande formato. Além disso, cada uma dessas prisões é apresentada separadamente em grandes portfólios. Estes oferecem uma visão mais aprofundada da arquitetura, da vida diária e das condições de vida dos reclusos e do ambiente dos funcionários. Uma breve apresentação do texto de cada prisão ajuda a decifrar melhor as fotografias. Nenhuma visita guiada está planeada.

Torre do Tombo, Lisboa

Arquivo Nacional da Torre do Tombo | Monumental novo edifício datado de 1991 | com sede no campus da Universidade de Lisboa, no Campo Grande

O novo edifício do Arquivo Nacional conserva  documentos relacionados com o Estado, arquivos históricos e outros  tipos de documentação, acomodando ali os seus serviços administrativos, uma sala de leitura e espaços para exposições.

Torre do Tombo. Photo: Peter Schulthess

LUGAR

Horário

Seg. a sex: 9h30 – 19h30
Sáb. 9h30 – 12h30

Entrada

Entrada livre

Flyer da exposição em formato PDF para fazer download, imprimir e divulgar